Terça-feira , 05 de Maio de 2015
InicioFaqs

FAQS

Perguntas frequentes

1.- como está a situação politica-econômica na Argentina?
A Argentina enfrentou mais uma crise econômica quando sua resseção entre 1998 e 2001após um período de relativa estabilidade nos anos 90. Um período de intensa instabilidade política marcou o país no final de 2001 enquanto o governo tomava medidas econômicas desesperadas para tentar salvar o país. A Argentina conseguiu controlar a inflação om o câmbio do peso igualado ao do dólar entre 1992 e 2001. Por outro lado, isso fez da economia argentina pouco competitiva quando comparada ao seus vizinhos, diminuindo as exportações. O governo, além disso, adquiriu muitas dívidas exteriores e falhou em implementar medidas de controle. Ao final de 2001, o governo instituiu vários controles cambiais, incluindo limites no acesso a contas em bancos privados. Mesmo tendo sido, um dia, a principal economia das américas, os eventos recentes na Argentina deixaram muitos se perguntando se será possível reformar a economia sem antes haver reformas políticas.
2.- Quão seguro é a Argentina?
Pode-se dizer que tanto o campo quanto a cidade são relativamente seguras se comparadas aos outros países sul-americanos. Buenos Aires, especialmente durante os fins de semana, vive 24 horas por dia, e a maioria das áreas turística é patrulhada ativamente pela polícia. Mesmo assim, bandidos e trombadinhas existem em todos os lugares então, como em qualquer cidade grande, não tome riscos desnecessários e use o bom senso. Tome cuidado com desconhecidos que comecem a falar com você espontaneamente e deixe seus objetos de valor, passaportes e tickets nas suas hospedagens.
3.- A Argentina é segura para mulheres?
As pessoas em geral, especialmente homens em relação às mulheres, são amigáveis, ducados, sempre prontos para ajudar e têm a mais cabeça aberta do que o resto dos latinos. Isso faz com que as mulheres viajando sozinhas na Argentina provavelmente se sentiram mais seguras do que na maioria dos países latino-americanos. Entretanto, já que a maioria da população masculina é descendente de Italianos e Espanhóis, devem esperar uma certa dose de machismo. A melhor maneira de evitar comentários incômodos é se vestindo de um modo neutro e não tendo qualquer tipo de comportamentos provocativos.
4.- Qual é o tipo de eletricidade na Argentina?
220V, 50Hz. A Argentina usa tomadas redondas no estilo europeu e tomadas retas no estilo autraliano.
5.- Qual é o horário da Argentina?
O fuso horário da Argentina é GMT -3. No ano pasado, o horário de verão foi implantado pela primeira vez na Argentina para economizar energia. Entretanto, não sabem se o continuarão fazendo no futuro, já que existem várias dúvidas sobre sua efetividade.
6.- Quanto dinheiro precisarei durante minha estada?
O tipo de viagem que planeja fazer acaba influenciando a quantidade exata de dinheiro que precisará. O bom da Argentina é que ela tem tanto opções para viajantes que não querem gastar muito quanto para aqueles que procuram conforto e luxo. Em Buenos Aires, você deve esperar gastar ao menos 20 dólares por dia em hospedagem e comida. Um quarto dividido em um albergue custa aproximadamente 10US$, enquanto você consegue uma refeição decente com uma bebida por 5US$ ou 10US$. A internet custa aproximadamente 1US$ por hora, mas a maioria dos hotéis e vários bares e restaurantes oferecem internet wi-fi gratuita. A passagem do ônibus e do metrô custam US$0,35 e o preço do taxi varia. Um café em um bar custa entre 1 e 2 dólares e a entrada em uma balada custa entre US$ 10 e US$ 30. Buenos Aires e o Sul são mais caras do que o resto do país. A parte boa em Buenos Aires é que suas atividades culturais, como museus, concertos ou cinema, são muito baratas e até, às vezes, de graça.
7.- Eu preciso de seguro médico e de viagem?
Recomendamos que faça um seguro médico e de viagem nos seus países de origem.
8.- Preciso de vacinas?
Não são necessárias quaisquer vacinas para entrar no país. A Argentina é um país bem seguro para se viajar quando se trata de saúde.
9.- Preciso de um visto?
Você pode renovar seu visto facilmente no escritório de imigração ou cruzando a fronteira do Brasil ou Uruguai. Mesmo assim, estrangeiros da maioria dos países não precisam de vistos e recebem um vista de turismo de 90 dias ao chegarem.
Share This
Facebook
Twitter
Google+
LinkedIn
Share:
0
0
0
Follow us on: